O nome de ישוע, Yeshua no Código da Torah!

13/03/2017 18:43

Eis aqui um tema bem ao

gosto dos Kabalistas:

Yeshua no Código da Torah contando de 69 em 69 letras, a partir do verso 15 até o verso 11 do capítulo 3 de Bereshit.

 

Repare que saltando 69 letras a partir do verso 11 de Bereshit capitulo 3 da letra Ain da palavra haéts הָעֵץ chegamos a letra vav  וַ da palavra vayomer  וַיֹּאמֶר, e saltando mais 69 chegamos na letra shin  שׁ da palavra hanachash  הַנָּחָשׁ, e saltando mais 69 letras chegamos na letra Yod י da palavra ashit אָשִׁית, decodificando desta forma o Nome do Mashiach de Yisrael: Yeshua = ישׁוﬠ ivertido identificando a sua primeira vinda!

 

Bereshit 3: 11 a 15

יא. וַיֹּאמֶר מִי הִגִּיד לְךָ כִּי עֵירֹם אָתָּה הֲמִן הָעֵץ אֲשֶׁר צִוִּיתִיךָ לְבִלְתִּי אֲכָל מִמֶּנּוּ אָכָלְתָּ:

יב. וַיֹּאמֶר הָאָדָם הָאִשָּׁה אֲשֶׁר נָתַתָּה עִמָּדִי הִוא נָתְנָה לִּי מִן הָעֵץ וָאֹכֵל:

יג. וַיֹּאמֶר יְהֹוָה אֱלֹהִים לָאִשָּׁה מַה זֹּאת עָשִׂית וַתֹּאמֶר הָאִשָּׁה הַנָּחָשׁ הִשִּׁיאַנִי וָאֹכֵל:

יד. וַיֹּאמֶר יְהֹוָה אֱלֹהִים | אֶל הַנָּחָשׁ כִּי עָשִׂיתָ זֹּאת אָרוּר אַתָּה מִכָּל הַבְּהֵמָה וּמִכֹּל חַיַּת הַשָּׂדֶה עַל גְּחֹנְךָ תֵלֵךְ וְעָפָר תֹּאכַל כָּל יְמֵי חַיֶּיךָ:

טו. וְאֵיבָה | אָשִׁית בֵּינְךָ וּבֵין הָאִשָּׁה וּבֵין זַרְעֲךָ וּבֵין זַרְעָהּ הוּא יְשׁוּפְךָ רֹאשׁ וְאַתָּה תְּשׁוּפֶנּוּ עָקֵב:

 

11 E ‘Elo(rr)hím(i) disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da árvore de que te ordenei que não comesses?

12 Então disse Adam: A Mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi.

13 E disse o Yahuh Elohim à Mulher: Por que fizeste isto? E disse a Mulher: A Serpente me enganou, e eu comi.

14 Então o Yahuh Elohim disse à Serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e no pó rastejarás todos os yamim da tua vida.

15 E porei inimizade entre Ti e a Mulher, e entre a Tua semente e a Sua semente; esta Te ferirá a cabeça, e Tu lhe ferirás o calcanhar.

 

Duas coisas de real interesse e importância para todos nós, Yehud e não Yehud:

 

  • A primeira é o fato do Nome Yeshua está inserido exatamente nesse texto de Bereshit, que fala da semente da mulher, uma referência ao Mashiach.

 

  • E a segunda coisa é a contagem das letras de 69 em 69, porque segundo o profeta Daniel, no capítulo 9 do seu livro, ele declara que as profecias em relação a redenção final de Yisrael estão condicionadas ao cumprimento de setenta semanas de anos (Daniel 9:24-27). E nós sabemos que exatamente 69 semanas de anos já se cumpriram, conforme o Malakh disse para Daniel, que o Mashiach viria após o cumprimento das sessenta e nove (7+62=69) semanas de anos, que também ele seria morto antes do início da última semana e que o Beit HaMikdash, Templo seria destruído também antes do início dessa última semana, a qual só ocorrerá no tempo do fim dos yamim. Então, o Mashiach deveria se apresentar a Yisrael logo após ao cumprimento das 69 (sessenta e nove) semanas de anos. E foi o que realmente aconteceu, confira isso no seguinte texto escrito pelo discípulo Luka: 19:41-44. “41 Quando Yeshua  chegou mais perto e pôde ver a cidade, chorou por causa dela, 42 dizendo: “Hoje, se ao menos você reconhecesse essas coisas que são para a sua shalom! Mas agora, estas estão ocultas de seus olhos. 43 Virão yamim em que seus inimigos cercarão você e a pressionarão de todos os lados. 44 E porão você abaixo, com você e seus filhos, sem deixar pedra sobre pedra. Tudo porque você não reconheceu o tempo de sua oportunidade!”.

 

Mas esse tempo da visitação de Yeshua ao povo de Yisrael a Torah já profetizava e definia com exatidão, através de códigos, conforme se pode ver nesse texto de Bereshit 3:11-15 comparado com Daniel  9:24-26. Portanto, está faltando se cumprir a última semana. E isso significa, que o Mashiach só reinará de fato sobre Yisrael e todas as nações, quando todas as profecias a respeito dele se cumprir, e as últimas profecias só se cumprirão durante e após a septuagésima semana de anos. Confira o texto do livro de Daniel, que afirma o tempo correto em que o Mashiach viria: Daniel 9:25-26 “25 Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar, e para edificar a Yerushalayim, até ao Mashiach, o Príncipe, haverá sete semanas, e sessenta e duas semanas; as ruas e o muro se reedificarão, mas em tempos angustiosos. 26 E depois das sessenta e duas semanas será cortado o Mashiach, mas não para si mesmo; e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o Templo, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra; estão determinadas as assolações.”

 

Por isso mesmo a maioria do povo Yisraelita ainda não consegue identificar Yeshua como sendo o verdadeiro Mashiach, porque algumas profecias sobre ele só terão cumprimento durante essa semana de anos e outras só após o término dessa última semana.

 

No conceito judaico tradicional, esse período de quatrocentos e noventa anos se cumpriu completamente; que o Mashiach descrito nesse texto se refere ao rei Ciro, que o próprio Eterno o ungiu para restaurar o reino da tribo de Yehudah; que o Mashiach (Ungido) que foi morto se refere ao Cohen Gadol, Sumo Sacerdote Onías, que foi o último levita a exercer tal ofício; e também que viria um governante (Antíoco Epifanes), que faria guerra contra os Yehudim (judeus) e profanaria o Beit ha Mikdash, Templo, mas que o mesmo seria purificado e dedicado novamente ao Eterno, após a conquista dos Makabim (macabeus). Contudo, nós, Yehudim Netsarim apesar de concordar que o Mashiach ou Ungido rei tenha sido de fato Ciro; que o Cohen Gadol, Sumo Sacerdote, Mashiach ou Ungido religioso também tenha sido Onyah; que o período de 490 anos também já tenha se cumprido, pelo menos para efeito da restauração do reino de Yehudah e do ofício sacerdotal da linhagem levita, mesmo que na época esse ofício fosse adquirido por compra; e também que viria um governante (Antíoco Epifanes) que faria guerra aos Yehudim e profanaria o Beit ha Mikdash, Templo; porém, acreditamos que a profecia vai muito mais além disso, quando diz: “24 Setenta semanas [Schavu’ím schiv’ím] estão determinadas sobre o teu povo, e sobre a tua kadosh cidade, para cessar a transgressão, e para dar fim aos pecados, e para expiar a iniqüidade, e trazer a justiça eterna, e selar a visão e a profecia, e para ungir o Santíssimo.” (Dn 9:24)

Quando se cumpriram essas palavras? “dar por finda a transgressão, cessar o pecado, perdoar a iniquidade, e promover a justiça eterna,...” É óbvio que essas palavras ainda não se cumpriram na íntegra, porque só se cumprirão quando o Mashiach Yeshua voltar e estabelecer o reino do Eterno, o reino dos shamayim, que terá duplo ministério:

 

1 - Sacerdotal, pelo Mashiach Ben Yossef, segundo a Ordem Eterna de Malk Tsedeq (Melquisedeque) (Tehilim, 110:4) e não mais pela Ordem Levita. 

 

2 - Real, pelo Mashiach Ben David, que implantará sobre Yerushalayim e sobre toda a terra o reino do Eterno.

 

Portanto, essa profecia tem sim duplo sentido mostrando que há um paralelismo entre esses personagens, como se segue:

 

  • Rei Ciro, um tipo do Mashiach Yeshua ben David.

 

  • Sumo Sacerdote Onyah (Onías), um tipo do Mashiach Yeshua ben Yossef.

 

  • E Antíoco Epifanes, um tipo do último inimigo de Yisrael, que surgirá nos últimos yamim, mas que por fim será vencido pelo Mashiach Yeshua, quando do seu retorno. 
 
Adiquira já o seu livro Yeshua Codificado na Toráh, Mito ou Verdade?

 

Pesquisar no site

Contato

Kahal Israelita de Barcarena Site Parceiros:
matrixnewscom.webnode.com.br/
www.cafetorah.com/
www.torahviva.org/
www.centrodeestudosprofeticos.com.br/
Fone:
(91)91661016
(91)99071682
(91)81228514
Blog indicados:
http://midiajudaica.blogspot.com/
http://leitorah.blogspot.com/

Palavras-chave